Terça-feira, 30 de Junho de 2015

Exortados ao respeito pelos direitos fundamentais da pessoa,

Na observância fiel, perseverante e atenta das obrigações morais,

Para que todos conheçam as delícias do amor, da verdade e da justiça

E o mundo testemunhe a perene novidade do Bem soberano da salvação!

 

Do Catecismo da Igreja Católica:

  1. A lei moral proíbe os actos que, com fins mercantis ou totalitários, conduzem a escravizar seres humanos, comprá-los, vendê-los e trocá-los como mercadoria.
  2. O domínio concedido pelo Criador sobre os recursos minerais, vegetais e animais do universo, não pode ser separado do respeito pelas obrigações morais, inclusivamente para com as gerações futuras.
  3. Os animais são confiados ao cuidado do homem, que lhes deve benevolência. Podem servir para a justa satisfação das necessidades do homem.
  4. A Igreja pronuncia-se em matéria económica e social, sempre que os direitos fundamentais da pessoa ou a salvação das almas o exigem. Ela preocupa-se com o bem comum temporal dos homens, em razão da ordenação do mesmo ao soberano Bem, nosso último fim.

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 17:58 | link do post | comentar

Terça-feira, 23 de Junho de 2015

Desafiados ao respeito perante os bens e propriedades do outro,

Segundo o domínio de uma justiça que salva e guarda a verdade,

Para que nos pequenos e simples gestos de todos os dias

Se anuncie fielmente a grandiosidade da beleza do Evangelho!

 

Do Catecismo da Igreja Católica:

  1. «Não roubarás» (Dt 5, 19). «Nem ladrões, nem gananciosos [...] nem salteadores herdarão o Reino de Deus» (1 Cor 6, 10).
  2. O sétimo mandamento prescreve a prática da Justiça e da caridade na gestão dos bens terrenos e dos frutos do trabalho dos homens.
  3. Os bens da criação são destinados a todo o género humano. O direito à propriedade privada não pode abolir o destino universal dos bens.
  4. O sétimo mandamento proíbe o roubo. O roubo é a usurpação de um bem de outrem contra a vontade razoável do proprietário.
  5. Todo o processo de tomar e usar injustamente um bem alheio é contrário ao sétimo mandamento. A injustiça cometida exige reparação. A justiça comutativa exige a restituição do bem roubado.

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 18:27 | link do post | comentar

Sexta-feira, 19 de Junho de 2015

Eucaristia.Pão.Sto.António.jpg

 No passado sábado, dia 13 e dia de feriado municipal em V. N. de Famalicão, realizou-se a já tradicional Eucaristia Solene em honra de Santo António, um santo venerado no Concelho e no Arciprestado de V. N. Famalicão.

Marcada para as 10h30 e presidida por D. Jorge Ortiga, Arcebispo Primaz de Braga, a Eucaristia contou, à semelhança dos anos anteriores, com a presença de um grande número de fiéis que lotaram por completo Capela onde se venera este santo, assim como o espaço e rua circundantes à mesma.

A celebração contou ainda com a presença do Arcipreste de V. N. Famalicão, o P.e Paulino Carvalho, do pároco de Antas, P.e Agostinho Alves, de outros sacerdotes e de algumas entidades civis, nomeadamente o Presidente da Câmara de V. N. de Famalicão, Paulo Cunha.

Nas palavras dirigidas aos presentes durante a homília, D. Jorge, lembrando que “a identidade cultural e popular de Famalicão passa também pela devoção que as suas gentes nutrem por Santo António”, exortou a que se siga o exemplo deste santo “nas palavras e na acção”, pois, como afirmou, “Santo António foi fermento e luz que brilhou no meio do mundo”. O prelado salientou ainda que este santo português se impôs aos olhos dos seus contemporâneos como “homem de fé operativa”, enfatizando que “evangelizar passa pela palavra mas também pelo testemunho”, numa clara alusão ao Programa Pastoral da Arquidiocese, dedicado este ano à temática da Fé Vivida. Por isso, e referindo-se à bênção e distribuição do já tradicional pão de Santo António, que teve lugar no final da Eucaristia, o celebrante apontou “a necessidade que este tempo actual que vivemos tem de obras como as que a distribuição do Pão de Santo António simboliza”, na medida em que esta nos recorda “que cada um de nós deverá oferecer permanentemente ‘pão’ a quem dele necessitar”, sendo que este pão pode ser alimento, habitação, educação ou outra necessidade. Só assim, e como concluiu, é possível “trabalhar pela promoção humana, colocando em prática o que nos ensina a Doutrina Social da Igreja”, contribuindo para que floresça “um mundo mais justo”.

Por sua vez, da parte da tarde teve lugar a procissão em honra de Santo António. Inserida nas tradicionais festas da cidade, mais conhecidas por festas Antoninas, a procissão iniciou também na Capela onde este santo se venera, sendo o andor do mesmo escoltado pelos bombeiros.

A procissão, que se realizou debaixo de alguma chuva, foi também enriquecida por inúmeros figurantes, percorrendo várias ruas da cidade e regressando novamente à Capela.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 16:44 | link do post | comentar

Quarta-feira, 17 de Junho de 2015

L1090289.JPG

 O Arciprestado de V. N. Famalicão viveu momentos de particular alegria e emoção nos passados dias 10 e 11 de Junho, aquando da visita da imagem da Virgem Peregrina.

Vinda do Arciprestado de Guimarães, a imagem de Nossa Senhora de Fátima chegou à Praça 9 de Abril, no centro da cidade de V. N. Famalicão, pouco depois das 22h00 do dia 10, onde foi acolhida com efusivos aplausos por uma enorme e impressionante multidão de fiéis que aguardavam a sua vinda. Depois de uma breve oração de acolhimento à imagem, presidida pelo Arcipreste de V. N. Famalicão, o P.e Paulino Carvalho, e contando tambem com a presença de inúmeros sacerdotes, onde os cânticos marianos assumiram especial esplendor, iniciou-se a recitação dos mistérios do terço, seguindo-se em procissão de velas até à Matriz Nova, local onde a imagem de Nossa Senhora permaneceu até ao final da visita ao Arciprestado famalicense.

No dia 11, quinta-feira, esteve em veneração a partir das 8h00, ficando o dia marcado por várias actos litúrgicos, como Oração Mariana, Adoração ao Santíssimo, entre outros. Desde crianças a idosos, foram muitos aqueles que quiseram reservar um tempo do seu dia para se abeirarem de Maria e se colocarem em atitude orante e cheia de esperança aos pés da Mãe de Jesus.

As celebrações terminaram com a Eucaristia, às 19h15, tendo a Igreja Nova Matriz sido pequena para acolher tão grande número de cristãos, entre leigos e sacerdotes, que quiseram viver de perto este momento de ímpar beleza.

Na partilha proferida, o Arcipreste, enaltecendo “a importância e a riqueza desta visita da Virgem Peregrina”, evocou “a mensagem de Fátima para apontar três interpelações que nos são feitas permanentemente por Maria”. Assim, o sacerdote começou por referir o “convite à conversão permanente lançado a cada coração”, enfantizando-o como “caminho de salvação para o hoje e o agora da vida de cada um”. De seguida, apontou a “oração”, como segundo pedido da Virgem, na medida em que “é a ponte e o caminho mais curto para chegarmos a Deus”. Por último, salientou como terceiro desafio “o sentido da responsabilidade colectiva e a prática da reparação”, para que, “pela inspiração de Maria, nos tornemos comunidades mais fortes, mais presentes, mais responsáveis colectivamente, por oposição à sociedade individualista em que vivemos”. Ao terminar, o sacerdote, dirigindo-se a Maria, consagrou-lhe “com confiança o Arciprestado e todas as suas paróquias, pedindo-lhe que com a sua bênção nos ajude a perceber que ser devoto de Maria é viver a vida da comunidade que, conforme nos aponta o Programa Pastoral da Arquidiocese, é vivida com obras que representam a misericórdia e a bondade que só Jesus Ressuscitado nos pode dar”. Só assim podemos “guardar e viver a Palavra de Jesus”, acolhendo e respondendo ao “apelo de Maria que sempre nos diz: «Fazei tudo o que Ele vos disser»”.

Terminada a celebração teve lugar a despedida e envio da imagem, entre cânticos, silêncios orantes, chuva de pétalas e o tradicional e sempre tocante acenar dos lenços diante da imagem de Maria. A Virgem Pergerina prosseguiu depois a sua viagem, rumando ao Arciprestado de Vila do Conde / Póvoa de Varzim, sendo que durante o percurso, e à semelhança do que já tinha acontecido na véspera, foram também muitos aqueles que ao longo da estrada nacional quiseram saudar a Mãe de Jesus e Mãe da Igreja à sua passagem.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 18:07 | link do post | comentar

Terça-feira, 16 de Junho de 2015

Interpelados à prática do amor fiel e incondicional,

Firmado pelo vínculo indissolúvel do matrimónio,

Acolhendo com esperança o dom da fecundidade

Que os torna participantes da paternidade de Deus!

 

Do Catecismo da Igreja Católica:

  1. A aliança livremente contraída pelos esposos implica um amor fiel. Ele impõe-lhes a obrigação de guardar indissolúvel o seu matrimónio.
  2. A fecundidade é um bem, um dom, uma finalidade do matrimónio. Dando a vida, os esposos participam da paternidade de Deus.
  3. A regulação dos nascimentos representa um dos aspectos da paternidade e da maternidade responsáveis. A legitimidade das intenções dos esposos não justifica o recurso a meios moralmente inadmissíveis (por exemplo, a esterilização directa ou a contracepção).
  4. O adultério e o divórcio, a poligamia e a união livre são ofensas graves à dignidade do matrimónio.

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 18:36 | link do post | comentar

Sexta-feira, 12 de Junho de 2015

L1080946.JPG

 Celebrou-se no passado domingo, dia 7 de Junho, a Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, uma festa em que os fiéis evocam com especial atenção a presença real e viva de Jesus Cristo no pão e no vinho da Eucaristia, enfatizada durante a celebração como “o maior tesouro da Igreja”.

Deste modo, para marcar tão grande solenidade e dando continuidade àquilo que já tem sido uma tradição nos últimos anos, o Arciprestado de V. N. Famalicão assinalou esta data através da realização da Procissão Arciprestal do Corpo de Deus. A celebração, presidida pelo Arcipreste, o P.e Paulino Carvalho, contou também com a presença de inúmeros sacerdotes do Arciprestado, várias comunidades paroquiais do mesmo (representadas pela Cruz paroquial e círios, Bandeiras do Santíssimo Sacramento ou do Sagrado Coração de Jesus e Turíbulo), para além do grande número de fiéis que quis juntar-se a esta manifestação pública de fé e de amor a Jesus Sacramentado. Com início marcado para as 18h00 na Nova Matriz, a celebração iniciou com a Oração de Vésperas ao Santíssimo, cantadas.

Durante a celebração, na partilha proferida ainda no interior da Igreja, tarefa desta vez assumida pelo P.e José Pedro Novais, o sacerdote enfatizou que “o maior tesouro da Igreja é o Pão Eucarístico, isto é, Jesus Cristo que Se entrega por todos nós”, acrescentando que “uma comunidade é viva quando participa e se alimenta desta Pão”, pois “só Jesus Cristo é o sol que nos ilumina, guia e auxilia. Só Ele extingue a nossa orfandade e nos conduz ao Pai eterno”.

Depois disso, deu-se início à procissão que percorreu várias artérias da cidade, finalizando novamente na Nova Matriz, com um breve momento de oração em que todos dirigiram as suas preces a Deus e repousarem os seus corações em Jesus presente na Hóstia Consagrada.

Ao terminar, o Arcipreste desafiou todos os presentes “a prolongar a celebração realizada, que a todos congregou, na vida concreta de todos os dias, para que cada um possa ser sempre testemunha fiel de Cristo Ressuscitado, Aquele que dá o verdadeiro sentido às nossas vidas”.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 17:57 | link do post | comentar

Quarta-feira, 10 de Junho de 2015

cartaz nossa senhora_001.JPG 

É já hoje, quarta-feira, dia 10 de Junho, que a Imagem da Virgem Peregrina de Fátima chega ao nosso Arciprestado de V. N. Famalicão. Será acolhida, às 21h00, na Praça 9 de Abril, para seguir depois em procissão de velas até à Matriz Nova. Amanhã, dia 11, quinta-feira, estará em veneração a partir das 8h00, na Matriz Nova, onde ao longo do dia haverá várias actos litúrgicos, como Oração Mariana, Adoração ao Santíssimo, entre outros. As celebrações terminam com a Eucaristia, marcada para as 19h15, que percederá a despedida e envio da imagem, que depois partirá para o Arciprestado de Vila do Conde / Póvoa de Varzim.
Além disso, as pessoas das paróquias localizadas junto à estrada nacional 206, entre Guimarães e Famalicão, estão convidadas a saudarem a imagem da Virgem Maria, à sua passagem, a partir das 20h30 de hoje, aplicando-se o mesmo àquelas que ficam junto à mesma estrada nacional, mas desta feita entre Famalicão e Balasar, amanhã, também a partir das 20h30.
O Arciprestado de V. N. Famalicão desafia todos os cristãos a associarem-se a este “momento de oração junto de Maria, a Virgem Peregrina que se põe a caminho ao encontro do coração de cada homem, para nos conduzir até Deus”.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social

 



publicado por arciprestadovnfamalicao às 15:45 | link do post | comentar

Terça-feira, 9 de Junho de 2015

Criados por Deus, homem e mulher, com igual dignidade,

Desafiados, cada um segundo o seu próprio estado de vida,

A imitar e seguir Cristo, como modelo de castidade,

Saboreando as alegrias sem par emanadas da plenitude da vocação do Amor!

 

Do Catecismo da Igreja Católica:

  1. «O amor é a vocação fundamental e inata de todo o ser humano» (1).
  2. Ao criar o ser humano homem e mulher, Deus conferiu a dignidade pessoal, de igual modo, a um e a outra. Compete a cada um, homem e mulher, reconhecer e aceitar a sua identidade sexual.
  3. Cristo é o modelo da castidade. Todo o baptizado é chamado a levar uma vida casta, cada um segundo o seu próprio estado de vida.
  4. A castidade significa a integração da sexualidade na pessoa. Implica a aprendizagem do autodomínio.
  5. Entre os pecados gravemente contrários à castidade, devem citar-se: a masturbação, a fornicação, a pornografia e as práticas homossexuais.

(1). João Paulo II, Ex. ap. Familiares consortio, 11: AAS 74 (1982) 92.

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 14:50 | link do post | comentar

Sexta-feira, 5 de Junho de 2015

imagem_peregrina_fatima.jpg

 

Como é do conhecimento geral, para assinalar as comemorações do centenário das aparições em Fátima, o Santuário enviou a imagem da Virgem Peregrina a todas as Dioceses de Portugal.

Tendo iniciado a sua viagem, que a levará por todo o país, a 13 de Maio, a imagem chegou à nossa Arquidiocese de Braga no passado domingo, dia 31 de Maio. Desde essa data a Virgem Peregrina tem vindo a percorrer os 14 arciprestados da Diocese, chegando ao nosso Arciprestado de V. N. Famalicão no dia 10 de Junho, quarta-feira. Será acolhida, às 21h00, na Praça 9 de Abril, para seguir depois em procissão de velas até à Matriz Nova. No dia 11, quinta-feira, estará em veneração a partir das 8h00, na Matriz Nova, onde ao longo do dia haverá várias actos litúrgicos, sendo o último a Eucaristia, marcada para as 19h15. Depois partirá para o Arciprestado de Vila do Conde / Póvoa de Varzim.

O Arciprestado de V. N. Famalicão desafia todos os cristãos a associarem-se a este “momento de oração junto de Maria, a Virgem Peregrina que se põe a caminho ao encontro do coração de cada homem, como testemunho inequívoco de Fé e de Amor, que nos desafia a viver na alegria da intimidade com o Seu Filho, Jesus Cristo”.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 18:00 | link do post | comentar

Quinta-feira, 4 de Junho de 2015

holy-eucharist.jpg

 

No próximo Domingo celebra-se a Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo. Uma festa de grande tradição para a Igreja Universal, mas também para a Igreja do Arciprestado de Vila Nova de Famalicão. Trata-se de uma festa móvel, em que celebramos a presença real de Cristo na Eucaristia, sendo que, desta feita, tem lugar no dia 7 de Junho.

Deste modo, o Arciprestado de V. N. Famalicão assinala esta data através da realização da Procissão Arciprestal do Corpo de Deus. A celebração tem início às 18h00 na Nova Matriz, com oração de vésperas ao Santíssimo. De lá segue-se depois em procissão Eucarística, percorrendo-se várias artérias da cidade até finalizar novamente na Nova Matriz.

Todas as comunidades paroquiais do Arciprestado estão convidadas a tomar parte activa nesta celebração, fazendo-se representar pelos seguintes elementos: Cruz paroquial e Círios, Bandeiras (do Santíssimo Sacramento ou do Sagrado Coração de Jesus) e Turíbulo.

Todos os cristãos do Arciprestado são também convidados a associar-se a esta celebração, que “constitui uma oportunidade ímpar, para, em comunhão com todos os irmãos, vivermos um verdadeiro momento de manifestação e vivência da Fé e de oração diante de Jesus Sacramentado, sentindo profunda e intensamente a grandeza do Seu Amor, efectivado na Sua entrega por nós e na Sua presença viva, eterna e salvífica no Pão da Eucaristia”.

 

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 16:38 | link do post | comentar

Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12

15
16
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Coordenadores Paroquiais ...

PARA AJUDAR A MELHOR VIVE...

Formação de Adultos desaf...

Movimentos da Acção Catól...

Movimento “Eu Sou Matriz”...

Dia Internacional do Trab...

Arquidiocese de Braga ini...

Antas acolheu em festa o ...

Novo pároco de Antas toma...

Crismandos de várias comu...

arquivos

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

facebook
links
blogs SAPO
subscrever feeds