Quarta-feira, 31 de Maio de 2017

hqdefault.jpg

 

Rezai, rezai muito e fazei sacrifícios por os pecadores.” 

(Memórias da Irmã Lúcia – Aparições de Fátima)

 

 

“Os apóstolos e os discípulos do Senhor, em todas as nações da terra, «entregam-se assiduamente à oração, em companhia de Maria, a mãe de Jesus» (cf. Act 1, 14). Constituindo de geração em geração o «sinal do Reino» que «não é deste mundo», eles estão cônscios de que no meio deste mundo devem congregar-se em torno daquele Rei, ao qual foram dadas em posse as nações, para seu domínio (cf. Sl 2, 8), e ao qual Deus e Senhor deu «o trono de David, seu pai», de modo que ele «reinará eternamente na casa de Jacob e o seu reinado não terá fim» (cf. Lc 1, 33).”

(S. João Paulo II, A Mãe do Redentor, 28)

 

 

 

Maria,

Senhora do Rosário,

Conserva-nos na fidelidade perseverante a Jesus Ressuscitado,

Para contigo contemplarmos as maravilhas da Sua misericórdia!

 

 

Ave-Maria, cheia de graça,
O Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres
E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus,
Rogai por nós, pecadores,
Agora e na hora da nossa morte.

Amém.

 

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 14:51 | link do post | comentar

Quinta-feira, 25 de Maio de 2017

18618932_1525121624186967_1395014528_o.jpg

 

18641273_1525121617520301_1812886769_o.jpg

 

No passado sábado, dia 20 de Maio, teve lugar em Vila Nova de Famalicão o Dia Arciprestal da Família. Neste encontro, promovido pela Equipa Arciprestal da Pastoral Familiar, foram apresentados os resultados do inquérito sobre “A Família que somos”, enfatizando-se “a urgência de criar uma pedagogia para construir a família segundo o coração de Deus”.

Marcada para as 21h15, no Centro Pastoral de Santo Adrião, esta iniciativa consistiu numa tertúlia que contou com a presença de quase uma centenas de pessoas, entre elas vários casais e famílias do Arciprestado famalicense.

A Equipa da Pastoral Familiar contou com a presença do P.e Rui Alberto, sacerdote Salesiano, para apresentar neste encontro os resultados do inquérito lançado em Janeiro passado. O referido inquérito surgiu dos desafios lançados pelo Sínodo dos Bispos sobre a Família e pela consequente Exortação Apostólica do Papa Francisco, Amoris Laetitia.

Sabendo que se trata de um sector da pastoral da Igreja que deve ser prioridade na vida e acção da mesma, o P.e Rui Alberto não deixou de salientar “a importância de comparar algumas estatísticas nacionais com as respostas aos inquéritos”. Por aqui se pode perceber que “não é óbvio que o casamento seja a regra para que toda a gente seja feliz. A prova disso é o aumento dos divórcios”.

Da questão “porque é que há jovens que não se casam?” sobressaiu “o medo de assumir um compromisso”. Contudo, o conferencista referiu que “muitos dos jovens não se casam por um acto de inteligência. Ou seja, ao olharem a realidade, ao verem o que se passa com o divórcio dos seus pais e amigos, interrogam-se sobre o casamento. As situações de sofrimento e de tristeza que eles vêem nos outros fazem com que tudo seja muito mais ponderado e, por isso, também o casamento seja retardado.”

Quanto aos temas de desenvolvimento que o inquérito apresentava, o P.e Rui Alberto, salientou “a importância do acolhimento, do acompanhamento, do caminho de discernimento, da integração e misericórdia, reforçando a importância da partilha de ideias e experiências, dos momentos de encontro com os casais, quer sejam mais jovens ou mais adultos”. Referiu sobretudo que “a Igreja há-de acolher sempre toda a gente, mas ao mesmo tempo não poderá renunciar aos valores do Evangelho”. Para o efeito é importante “atender a todas as situações, num acolhimento pessoal, sem entrar nas abstracções mas na realidade concreta da vida de cada pessoa casada ou divorciada, em união de facto ou recasada. É desejável uma criatividade para reconstruir a pertença à Igreja.”

Em jeito de conclusão, o orador, referiu que “o ideal cristão de matrimónio e de família é um dom viável e fonte de alegria. Contudo não é óbvio nem fácil. É dom de Deus, mas requer o nosso empenho e esforço, sem grandes ‘boleias’ da sociedade.”

Por fim, o P.e Rui Alberto apontou quatro ideias para uma pedagogia do “fazer” família “segundo o coração de Deus”. A primeira: “Ser”, na medida em que “todos devemos cuidar do rosto uns dos outros e aprender a aceitar os ‘monstros’ que existem em nós”. A segunda: “Ser de”, “cuidando das nossas origens e percebendo que não somos o princípio das coisas, mas filhos de alguém.” A terceira: “Ser com”, alertando para a importância de “cuidar e amparar o outro e ser solícito para com o outro diferente de si”. E, por fim, a quarta ideia: “Ser para”, “cuidando da abertura a Deus, ou seja, acolher e construir este Amor que dá esperança”.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 17:45 | link do post | comentar

Terça-feira, 23 de Maio de 2017

Fátima.jpg

 

O meu Imaculado Coração será o teu refúgio

e o caminho que te conduzirá até Deus.” 

(Memórias da Irmã Lúcia – Aparições de Fátima)

 

 

“Ao longo da caminhada-peregrinação eclesial, através do espaço e do tempo e, mais ainda, através da história das almas, Maria está presente, como aquela que é «feliz porque acreditou», como aquela que avançava na peregrinação da fé, participando como nenhuma outra criatura no mistério de Cristo. Diz ainda o Concílio que «Maria... pela sua participação íntima na história da salvação, reúne, por assim dizer, e reflecte em si os imperativos mais altos da fé».

Ela é, entre todos os que acreditam, como um «espelho», em que se reflectem da maneira mais profunda e mais límpida «as maravilhas de Deus» (Act 2, 11).”

(S. João Paulo II, A Mãe do Redentor, 25)

 

 

Maria,

Senhora mais brilhante que o sol,

Envolve-nos e ilumina-nos com a beleza do teu manto de luz,

Para que o teu coração de Mãe nos conduza sempre para Jesus!

 

          

Ave-Maria, cheia de graça,

O Senhor é convosco.

Bendita sois vós entre as mulheres

E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.

Santa Maria, Mãe de Deus,

Rogai por nós, pecadores,

Agora e na hora da nossa morte.

Amém.

 

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 17:59 | link do post | comentar

Segunda-feira, 22 de Maio de 2017

DSC07385.JPG

 

DSC07391.JPG

 

DSC07404.JPG

 

No passado dia 14 de Maio, domingo, as paróquias que compõem a Unidade Pastoral de Cabeçudos, Esmeriz e Palmeira realizaram uma peregrinação ao Santuário de Nossa Senhora do Carmo, em Lemenhe, Vila Nova de Famalicão.

Esta actividade surgiu no contexto deste ano pastoral especialmente dedicado a Nossa Senhora, em que a Arquidiocese de Braga convida a potenciar e promover as peregrinações aos diferentes santuários marianos existentes nos diferentes Arciprestados. Dado que este Santuário Mariano de Nossa Senhora do Carmo é o único de dimensão arciprestal existente em Famalicão, foi o local escolhido para a realização desta actividade que se destinou a todos os movimentos e paroquianos, em geral, das três comunidades.

Assim, aqueles que fizeram todo o percurso a pé partiram das paróquias, em diferentes grupos, às 8h00 da manhã. Outros partiram um pouco mais tarde, fazendo grande parte do percurso de autocarro e apenas um parte do percurso a pé, já perto do Santuário. Outros ainda fizeram todo o percurso de autocarro ou nos seus automóveis particulares. Para aqueles que integraram algum grupo, a pé ou de autocarro, a viagem ficou marcada por alguns momentos de oração e reflexão.

Chegados ao Santuário, e depois de um tempo para descansar e retemperar as forças, teve lugar a celebração da Eucaristia, às 12h00. A celebração aconteceu no recinto do Santuário, sendo presidida pelo pároco, o P.e Nuno Vilas Boas, e animada pelos três coros litúrgicos das paróquias envolvidas.

Na partilha proferida, o sacerdote salientou que “ao visitarmos aquele Santuário sentimos que Maria, a Senhora do Carmo, nos acolhe em sua casa”, acrescentando ainda que “Maria é a Mãe que caminha connosco, ao nosso lado, conduzindo-nos sempre para o seu filho Jesus, que é Caminho, Verdade e Vida”.

Durante a celebração, foi construído um puzzle com a imagem de Nossa Senhora da Alegria, e que resultou de uma dinâmica feita pelos diferentes grupos de peregrinos. Já perto do final foram distribuídas mensagens por todos os presentes, preparadas pelas crianças e adolescentes da Catequese.

No final da Eucaristia, aqueles que assim desejaram permaneceram no Santuário, aproveitando o agradável e convidativo parque de merendas para almoçar em família e entre amigos, prolongando-se o alegre convívio e confraternização durante a tarde.

 

 



publicado por arciprestadovnfamalicao às 23:57 | link do post | comentar

Sexta-feira, 19 de Maio de 2017

Caminhada 2017-01.jpg

 

No próximo dia 28 de Maio, domingo, o Centro Social da Paróquia de Esmeriz promove a II Caminhada Trilhos de Esmeriz.

Esta Caminhada, cujo início está marcado para as 9h30, será feita ao longo de um percurso circular, que se estende pelas freguesias de Esmeriz, Cabeçudos e Lousado do Concelho de Vila Nova de Famalicão, tendo como ponto de partida e de chegada o Centro Social da Paróquia de Esmeriz. O percurso tem uma extensão total de 8 km, cuja dificuldade se avalia como fácil.

Segundo a organização, “transpondo alguns campos e quintas privadas situados nas referidas freguesias, onde abundam videiras e eucaliptos, os participantes serão envolvidos por aromas característicos e inspiradores”. Durante a Caminhada, que será guiada, “será possível encontrar agradáveis manifestações da natureza que durante o mês de Maio proliferam, como as flores que colorem os caminhos e convidam à participação em actividades ao ar livre.”

Deste modo, “todos os participantes sentirão uma agradável sensação de bem-estar devido a um não muito exigente exercício físico matinal, mas, sobretudo, pelo facto de o mesmo vir a ser feito em grupo, o que por si só permitirá uma maior partilha de experiências, além de uma maior socialização entre todos.”

No final da Caminhada, no Centro Social da Paróquia de Esmeriz, estará à disposição dos participantes a famosa Bola de Berlim característica dos Trilhos D´Esmeriz.

A inscrição tem um valor de 3,5€ (com seguro incluído), podendo ser feita até ao dia 26 de Maio no site www.centrosocialdaparoquiadeesmeriz.pt, ou ainda no próprio dia da actividade, no secretariado.

De salientar que esta actividade decorre no contexto de um fim-de-semana especialmente festivo para a instituição promotora. Assim, no dia 27 de Maio, sábado, durante a tarde, realiza-se a Festa da Família no Centro Social da Paróquia de Esmeriz.

Para tal, o Centro Social convida para esta festa crianças, pais, avós, irmãos, primos, tios e todos quantos, de forma directa ou indirecta, estão ligados à instituição.

Para além do convívio em si, das brincadeiras, da conversa amiga, haverá lanche, enriquecido por porco no espeto, pataniscas, caldo verde, bebidas e café. Os pais poderão contribuir para este convívio com sobremesas, salgados ou outros para alegrar esta festa.

A festa inicia-se às 15h00 e termina às 19h00 com a celebração da Eucaristia na Igreja Paroquial de Esmeriz.

Por último, e estando já a preparar o próximo ano lectivo, o Centro Social da Paróquia de Esmeriz recorda que, durante todo o mês de Maio, decorre uma campanha de oferta do valor da matrícula para novas inscrições na creche e no pré-escolar.

 



publicado por arciprestadovnfamalicao às 19:13 | link do post | comentar

Quarta-feira, 17 de Maio de 2017

Inquérito Logo_Cartaz.jpg

 

A Equipa Arciprestal da Pastoral Familiar promove a realização do Dia Arciprestal da Família no próximo sábado, dia 20 de Maio, pelas 21h15, no Centro Pastoral de Santo Adrião, em Vila Nova de Famalicão.

Depois do Sínodo dos Bispos e da consequente Exortação Apostólica do Papa Francisco, Amoris Laetitia, terem colocado “o desafio da Família como uma das prioridades mais urgentes da atenção da Igreja”, a Equipa Arciprestal da Pastoral Familiar de Famalicão desenvolveu um inquérito sobre “A Família que somos” dirigido a todas as pessoas, “com o objectivo de dar continuidade à reflexão e discernimento desenvolvido quer pelo sínodo quer na Exortação Apostólica”.

Neste Dia Arciprestal da Família a Equipa pretende apresentar os resultados deste inquérito, contando para o efeito com a presença do Pe. Rui Alberto, sacerdote Salesiano.

Deste modo, todas as famílias do Arciprestado famalicense estão convidadas a tomar parte deste encontro para que “possam conhecer os resultados deste inquérito e ao mesmo tempo servir de motivação para que o trabalho pastoral pela Família continue”. Como refere a organização, “a presença das famílias e das equipas de pastoral familiar será para nós um grande estímulo e sinal da sua inquietação pelo bem da família e das famílias que compõem as suas comunidades paroquiais”, alargando também o convite “a todos os movimentos relacionados com a pastoral familiar e a todos aqueles a quem esta causa interessa”.

A Equipa Arciprestal da Pastoral Familiar afirma ainda o seguinte: “estamos certos que seremos surpreendidos pelos resultados e pelo desejo inscrito nos corações de cada um de nós para que a Família esteja mais no centro da acção da Igreja. Desejamos, sobretudo, entender como pode hoje a Família ser mais sujeito dessa acção do que objecto da Pastoral.”

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 18:36 | link do post | comentar

Terça-feira, 16 de Maio de 2017

800.jpg

 

Rezem o Terço todos os dias.” 

(Memórias da Irmã Lúcia – Aparições de Fátima)

 

 

“Como diz o Concílio, «Maria... pela sua participação íntima na história da salvação... quando é exaltada e honrada, atrai os fiéis ao seu Filho e ao sacrifício dele, bem como ao amor do Pai»

Por isso, a fé de Maria, atendo-nos ao testemunho apostólico da Igreja, torna-se, de alguma maneira, incessantemente a fé do Povo de Deus que está a caminho: a fé das pessoas e das comunidades, dos encontros e das assembleias e, enfim, dos diversos grupos que existem na Igreja. Trata-se de uma fé que se transmite mediante o conhecimento e o coração ao mesmo tempo; de uma fé que se adquire ou readquire continuamente mediante a oração. É por isso que, «também na sua acção apostólica, a Igreja olha com razão para aquela que gerou Cristo, o qual foi concebido por obra do Espírito Santo e nasceu da Virgem precisamente para nascer e crescer também no coração dos fiéis, por meio da Igreja».”

 

(S. João Paulo II, A Mãe do Redentor, 28)

 

 

Maria,

Nossa Senhora de Fátima,

Interpela-nos com o teu testemunho de mulher perseverante na oração,

Para que nos sintamos submergidos na luz intensa da graça de Deus!

 

          

Ave-Maria, cheia de graça,

O Senhor é convosco.

Bendita sois vós entre as mulheres

E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.

Santa Maria, Mãe de Deus,

Rogai por nós, pecadores,

Agora e na hora da nossa morte.

Amém.

 

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 16:51 | link do post | comentar

Quarta-feira, 10 de Maio de 2017

770242.jpg

 

Quereis oferecer-vos a Deus?”

(Memórias da Irmã Lúcia – Aparições de Fátima)

 

 

“Na Anunciação Maria entregou-se a Deus completamente, manifestando «a obediência da fé» Àquele que lhe falava, mediante o seu mensageiro, prestando-lhe o «obséquio pleno da inteligência e da vontade». Ela respondeu, pois, com todo o seu «eu» humano e feminino.

Nesta resposta de fé estava contida uma cooperação perfeita com a «prévia e concomitante ajuda da graça divina» e uma disponibilidade perfeita à acção do Espírito Santo, o qual «aperfeiçoa continuamente a fé mediante os seus dons»."

(S. João Paulo II, A Mãe do Redentor, 13)

 

 

Maria,

Mãe de todas as Vocações,

Concede-nos a alegre ousadia de, como tu, nos oferecermos a Deus,

Sentindo-nos continuamente impelidos pelo Espírito para a Missão!

 

          

Ave-Maria, cheia de graça,

O Senhor é convosco.

Bendita sois vós entre as mulheres

E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.

Santa Maria, Mãe de Deus,

Rogai por nós, pecadores,

Agora e na hora da nossa morte.

Amém.

 

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 12:16 | link do post | comentar

Sábado, 6 de Maio de 2017

L1210683.JPG

 

L1210691.JPG

 

No passado domingo, dia 30 de Abril, às 17h30, o Arciprestado de Vila Nova de Famalicão levou a efeito a realização de uma Conferência Mariana subordinada ao tema “Fátima sem Segredos”. Esta iniciativa, que aconteceu na Igreja Nova Matriz de Famalicão, despertou os presentes para o facto dos “acontecimentos das aparições de Fátima constituírem essencialmente uma experiência de Deus”.

O encontro iniciou com umas palavras de acolhimento proferidos pelo P.e Francisco Carreira, Vice-Arcipreste de Vila Nova de Famalicão, que explicou a pertinência desta conferência num ano em que se assinala o centenário das aparições de Nossa Senhora em Fátima, e em que também a Arquidiocese de Braga desafia os cristãos a contemplar a Fé a partir do testemunho de Maria.

Depois disso tomou a palavra a Irmã Ana Castro da Congregação da Aliança de Santa Maria, a quem coube a apresentação da Conferência. A oradora, começando por fazer uma breve contextualização das diferentes aparições, afirmou que “Fátima foi um rasgo de luz que Deus acendeu para resgatar o que estava perdido”. Posto isto, a Irmã Ana Castro foi explicando “Fátima como uma experiência de Deus Trinitário e Eucarístico”, que tem “a Virgem Maria por Mestra”, apontando-nos sempre a “Santidade como meta e missão”. Na sua apresentação a consagrada enfatizou que “o Anjo começou por ajudar os pastorinhos a purificar a ideia de Deus, para que percebessem quem era Deus, como nos ama e como quer ser amado”. Mais tarde, e como referiu, na aparição de Maio de 1917, “é Maria quem pergunta aos três videntes se se querem oferecer a Deus”, pois, como acrescentou, “só quando dizemos sim a Deus é que a graça acontece e vivemos esta experiência de Deus”. Para tal, somos interpelados a “ter a mesma atitude de Maria, Mãe e Mestra, mediante o tríplice convite que nos é feito, ou seja, um convite à oração e conversão, à reparação e à consagração, de modo a nos comprometermos com a História da Salvação, rumo à Santidade”.

No final tomou ainda a palavra o Arcipreste de Vila Nova de Famalicão, o P.e Armindo Paulo Freitas, para agradecer a todos os presentes, assim como à Irmã Ana Castro pelas suas palavras e disponibilidade.

Terminada esta Conferência Mariana, teve lugar a Oração de Vésperas, às 18h30, seguindo-se a celebração da Eucaristia, às 19h15, presidida pelo Bispo Auxiliar de Braga, D. Nuno Almeida.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 11:59 | link do post | comentar

Quinta-feira, 4 de Maio de 2017

Cartaz.1.jpg

 

A Unidade Pastoral das paróquias de Cabeçudos, Esmeriz e Palmeira, Arciprestado de Vila Nova de Famalicão, tem vindo a promover ao longo deste ano pastoral, e à semelhança dos anteriores, um tempo de Formação Cristã para Adultos. Esta actividade formativa chega agora ao último encontro, agendado para o próximo sábado, dia 6 de Maio, com um Concerto de Oração a cargo de Claudine Pinheiro.

Todos os agentes de pastoral das três comunidades que compõem esta Unidade Pastoral, assim como todos os paroquianos em geral, estão convidados a tomar parte deste encontro, em que a música será o mote para a oração, estando o Concerto marcado para as 21h30 no Salão Paroquial de Esmeriz.

Ao terminar estes encontros de Formação Cristã para Adultos com periodicidade mensal e subordinados à temática “Caminhamos… com Maria até Jesus!”, este Concerto pretende ser “expressão e vivência da alegria pascal com que nos revestimos, à semelhança de Maria, a Senhora da Alegria”!

 



publicado por arciprestadovnfamalicao às 17:40 | link do post | comentar

Agosto 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Por Maria até Jesus

Clero de Famalicão viveu ...

“Vamos descansar um pouco...

Paróquia de S. Tiago de A...

Por Maria até Jesus

Arcebispo exortou ao acol...

Nomeado novo pároco para ...

Por Maria até Jesus

Por Maria até Jesus

Diácono Wilson Santos ord...

arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

facebook
links
blogs SAPO
subscrever feeds