Sexta-feira, 30 de Junho de 2017

Eucaristia.021.jpg

 

IMG_1734.JPG

 

A propósito da comemoração dos 150 anos da Fundação dos Missionários Combonianos, os sacerdotes do Arciprestado de Vila Nova de Famalicão participaram num encontro, na manhã do passado dia 23 de Junho, que aconteceu, precisamente, no Seminário desta congregação situado no Arciprestado, na paróquia de Antas.

Contando com a presença do Bispo Auxiliar de Braga, D. Nuno Almeida, e com cerca de 35 sacerdotes, o encontro iniciou com uma palestra subordinada ao tema “Como evangelizar hoje?”. D. Nuno começou por destacar que “o anúncio de Jesus Cristo não pode ser imposto, devendo antes ser proferido na liberdade”, pois, como acrescentou, “para a Palavra dar fruto é preciso semear com amor”.  O prelado afirmou ainda que “a fé não é uma doutrina, mas um estilo de vida enraizado em Cristo, como é visível no testemunho de vida dos santos”.  Logo, e conforme concluiu, “a evangelização é tarefa da Igreja-Presença, que se orienta pelas atitudes do acolhimento e do diálogo”.  Por isso, “o missionário tem que ser o Jesus dos nossos tempos e ir ao encontro de cada pessoa”. 

A palestra terminou com um tempo de abertura ao diálogo e à partilha, com alguns dos presentes a deixarem o seu testemunho, afirmando que “sentem a missão da evangelização como essência da sua vida, tal como aconteceu com Daniel Comboni, fundador dos Combonianos”.

Depois da palestra, seguiu-se a celebração da Eucaristia na Capela do Seminário, presidida por D. Nuno Almeida. O encontro terminou com o almoço, proporcionando um momento de confraternização entre todos os presentes. 

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 18:12 | link do post | comentar

Quinta-feira, 29 de Junho de 2017

 

216.jpg

 

238_1.jpg

 

Estando a decorrer as Visitas Pastorais às comunidades do Arciprestado de Vila Nova de Famalicão, a semana passada, entre os dias 22 e 25 de Junho, foi a vez da paróquia de S. Pedro de Bairro acolher alegre e festivamente a visita de D. Jorge Ortiga, Arcebispo Primaz de Braga.

Na quinta-feira, primeiro dia da visita, o prelado passou por vários espaços e instituições da comunidade, visitando as escolas, empresas, os doentes, a Instituição Social, a Quinta Pedagógica, património da paróquia, entre outros. D. Jorge celebrou o Sacramento da Unção com os mais idosos e esteve ainda num encontro com os jovens e com o grupo da Formação de Adultos da paróquia.

O dia terminou com a Assembleia Paroquial, que contou com a presença de todos os movimentos pastorais e com uma grande participação da comunidade.

Por sua vez, no domingo, dia 25, a conclusão da Visita Pastoral aconteceu na Eucaristia, às 11h15, marcada pela celebração do Sacramento da Confirmação ou do Crisma por parte dos jovens que concluíram os 10 anos de Catequese, assim como daqueles que frequentaram a Formação de Adultos.

 

 



publicado por arciprestadovnfamalicao às 23:38 | link do post | comentar

Quarta-feira, 28 de Junho de 2017

74dd54478ef87539a889f3831802142c.jpg

 

O próprio Senhor vos dará um sinal:

a virgem conceberá e dará à luz um filho

e o seu nome será Emanuel.” 

(Isaías 7, 14)

 

 

“Quão admiravelmente Deus, Criador e Senhor de todas as coisas, se deixou levar longe na «revelação de si mesmo» ao homem! Quanto se nos torna patente que ele transpôs todos os espaços daquela «distância» infinita que separa o Criador da criatura! Se Ele, em si mesmo, permanece inefável e imperscrutável, é ainda mais inefável e imperscrutável na realidade da sua Incarnação, no facto de «se ter feito homem», nascendo da Virgem de Nazaré.”

(S. João Paulo II, A Mãe do Redentor, 51)

 

 

Maria,

Virgem louvável,

Abraça-nos e envolve-nos no aconchego do teu colo materno

Para em ti redescobrirmos o refúgio da fortaleza do amor de Deus!

 

          

Ave-Maria, cheia de graça,
O Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres
E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus,
Rogai por nós, pecadores,
Agora e na hora da nossa morte.

Amém.

 

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 19:25 | link do post | comentar

Quinta-feira, 22 de Junho de 2017

L1210993.JPG

 

L1220142.JPG

 

L1220256.JPG

 

Na passada quinta-feira, dia 15 de Junho, Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, realizou-se em Vila Nova de Famalicão a Procissão Arciprestal do Corpo de Deus. Nesta festa litúrgica em que os fiéis evocam com especial atenção a presença real e viva de Jesus Cristo no pão e no vinho do banquete da Eucaristia, este foi enfatizado durante a celebração como “o grande testamento que nos foi deixado pelo Ressuscitado e que nos desafia a ser servidores dos irmãos e da Sua Igreja”.

A celebração, que procurou dar continuidade àquilo que já tem sido uma tradição nos últimos anos, foi presidida pelo Arcipreste de Vila Nova de Famalicão, o P.e Armindo Paulo Freitas. Além disso, contou também com a presença de inúmeros sacerdotes do Arciprestado, de várias comunidades paroquiais do mesmo (representadas pela Cruz paroquial e círios, Bandeiras do Santíssimo Sacramento ou do Sagrado Coração de Jesus e Turíbulo), assim como de um grande e significativo número de fiéis que quis juntar-se a esta manifestação pública de fé e de amor a Jesus Sacramentado. Com início marcado para as 18h00 na Igreja Nova Matriz, a celebração iniciou com a Oração de Vésperas ao Santíssimo, cantadas.

Durante a celebração, na partilha proferida ainda no interior da Igreja, o P.e Armindo Paulo enfatizou que “na última ceia com os discípulos, as palavras de Jesus são o seu testamento para todos nós, confirmando que dará a Sua vida até à última gota de sangue, mas também que ficará sempre connosco, real e sacramentalmente presente, no pão e no vinho da Eucaristia”. Logo, e como acrescentou, “Jesus dá-nos o Seu Corpo através do pão e do vinho, para que todos sejamos um só Corpo. Deus fará morada em cada um de nós, fazendo-nos um com Ele”. Posto isso, o Arcipreste interpelou a todos, lembrando que “como membros desse Corpo, cada um tem de cumprir a sua parte, colocar-se ao serviço, pois, se assim não for, toda a Igreja e toda a comunidade sofrerá”.

Depois disso, deu-se início à procissão que percorreu várias artérias da cidade, finalizando junto à Antiga Matriz, com um breve momento de oração em que todos dirigiram as suas preces a Deus e repousarem os seus corações em Jesus presente na Hóstia Consagrada.

Ao terminar, o Arcipreste agradeceu a todos os presentes, desafiando-os, mais uma vez, “a viver como discípulos de Jesus, servindo e amando, na comunhão do Seu Corpo, penhor de vida e de alegria”.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 23:15 | link do post | comentar

Quarta-feira, 21 de Junho de 2017

virgin-mary-01073.jpg

 

Acolheu a Israel, seu servo,
lembrado da sua misericórdia,
como tinha prometido a nossos pais,
a Abraão e à sua descendência para sempre”.

(Lucas 1, 54-55)

 

 

“A Igreja vai avançando na «sua peregrinação... e anunciando a paixão e a morte do Senhor até que ele venha». «Prosseguindo entre as tentações e tribulações da caminhada, a Igreja é apoiada pela força da graça de Deus, que lhe foi prometida pelo Senhor, para que não se afaste da perfeita fidelidade por causa da fraqueza humana, mas permaneça digna esposa do seu Senhor e, com o auxílio do Espírito Santo, não cesse de se renovar a si própria até que, pela Cruz, chegue á luz que não conhece ocaso».

A Virgem Maria está constantemente presente nesta caminhada de fé do Povo de Deus em direcção à luz. Demonstra-o de modo especial o cântico do «Magnificat», que, tendo jorrado da profundidade da fé de Maria na Visitação, não cessa de vibrar no coração da Igreja ao longo dos séculos.”

(S. João Paulo II, A Mãe do Redentor, 35)

 

 

Maria,

Guia perfeita da nossa Fé,

Percorre connosco os caminhos maravilhosos e audazes da evangelização

Para sermos, neste tempo e neste mundo, fiéis apóstolos do teu filho Jesus!

 

          

Ave-Maria, cheia de graça,
O Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres
E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus,
Rogai por nós, pecadores,
Agora e na hora da nossa morte.

Amém.

 

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 22:58 | link do post | comentar

Terça-feira, 20 de Junho de 2017

Bênção.Pão.Sto.António.jpg

 

L1210876.JPG

 

L1210959.JPG

 

Na passada terça-feira, dia 13 e dia de feriado municipal em Vila Nova de Famalicão, celebrou-se a Eucaristia Solene em honra de Santo António, seguida da bênção e distribuição de cerca de quatro mil pães, cumprindo-se, assim, uma vez mais, a tradição do Pão de Santo António, que marca a manhã do dia consagrado àquele santo popular venerado no Concelho e no Arciprestado famalicenses.

Marcada para as 10h00, a Eucaristia, presidida pelo P.e Alberto Vieira, sacerdote comboniano, contou, à semelhança dos anos anteriores, com a presença de um grande número de fiéis que lotaram por completo a Capela onde se venera este santo, assim como o espaço e rua circundantes à mesma.

Nas palavras dirigidas aos presentes durante a homília, o sacerdote enfatizou que “estas festas são para todos, mesmo para os que não têm fé, mas participam da alegria dos católicos”.

De salientar ainda que nesta Eucaristia dois casais celebraram as suas Bodas de Prata, renovando os votos do casamento celebrado há 25 anos.

Por sua vez, da parte da tarde, às 17h00, teve lugar a procissão em honra de Santo António, desta feita presidida por D. Nuno Almeida, Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Braga, que tem estado a realizar a Visita Pastoral às diferentes comunidades do Arciprestado. Inserida nas tradicionais festas da cidade, mais conhecidas por festas Antoninas, esta manifestação pública da Fé iniciou também na Capela onde este santo se venera.

A procissão, que contou ainda contou ainda com a presença do pároco de Antas, o P.e Agostinho Alves, assim como de algumas entidades civis, nomeadamente o Presidente da Câmara de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, que, de resto, já tinham marcado presença na Eucaristia celebrada de manhã, foi também enriquecida por inúmeros figurantes, percorrendo várias ruas da cidade e regressando novamente à Capela.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 18:31 | link do post | comentar

Quarta-feira, 14 de Junho de 2017

2490551c17ebe6987419e91c507876cd.jpg

 

Naqueles dias,

Maria pôs-se a caminho

e dirigiu-se apressadamente para a montanha,

em direcção a uma cidade de Judá.”

(Lucas 1, 39)

 

 

“Na Anunciação, de facto, Maria entregou-se a Deus completamente, manifestando «a obediência da fé» Àquele que lhe falava, mediante o seu mensageiro, prestando-lhe o «obséquio pleno da inteligência e da vontade». Ela respondeu, pois, com todo o seu «eu» humano e feminino.

Nesta resposta de fé estava contida uma cooperação perfeita com a «prévia e concomitante ajuda da graça divina» e uma disponibilidade perfeita à acção do Espírito Santo, o qual «aperfeiçoa continuamente a fé mediante os seus dons».”

(S. João Paulo II, A Mãe do Redentor, 13)

 

 

Maria,

Imagem clara da Igreja,

Renova-nos na ousadia de, como tu, nos pormos sempre a caminho

Para levarmos a alegria de Jesus a todos os recantos da humanidade!

 

          

Ave-Maria, cheia de graça,
O Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres
E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus,
Rogai por nós, pecadores,
Agora e na hora da nossa morte.

Amém.

 

Arciprestado de V. N. Famalicão

 



publicado por arciprestadovnfamalicao às 19:04 | link do post | comentar

Sexta-feira, 9 de Junho de 2017

L1150690.JPG

 

No próximo dia 15 de Junho, quinta-feira, celebra-se a Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, uma festa móvel em que evocamos a presença real de Cristo na Eucaristia, de grande tradição para a Igreja Universal, mas também para a Igreja do Arciprestado de Vila Nova de Famalicão.

Deste modo, o Arciprestado famalicense assinala esta data, à semelhança do que tem acontecido nos últimos anos, através da realização da Procissão Arciprestal do Corpo de Deus. A celebração tem início às 18h00 na Igreja Nova Matriz, com oração de vésperas ao Santíssimo. De lá segue depois a procissão Eucarística, percorrendo várias artérias da cidade até finalizar na Antiga Matriz.

Todas as comunidades paroquiais do Arciprestado estão convidadas a tomar parte activa nesta celebração, fazendo-se representar pelos seguintes elementos: Cruz paroquial e Círios, Bandeiras (do Santíssimo Sacramento ou do Sagrado Coração de Jesus) e Acólitos com o Turíbulo.

Todos os cristãos do Arciprestado são também convidados a associar-se a esta celebração, que “constitui um momento privilegiado de contemplação da Fé e de oração diante de Jesus Sacramentado, o filho de Maria, presente e vivo, como alimento de salvação e penhor da nossa alegria, no Pão da Eucaristia”.

 

Departamento Arciprestal da Comunicação Social



publicado por arciprestadovnfamalicao às 23:05 | link do post | comentar

Terça-feira, 6 de Junho de 2017

O-que-significa-sermos-apóstolo-de-Maria.jpg

 

Todos perseveravam unidos em oração,

em companhia de algumas mulheres,

entre as quais Maria, Mãe de Jesus.”

(Actos dos Apóstolos 1, 14)

 

 

“Depois dos acontecimentos da Ressurreição e da Ascensão, Maria, entrando com os Apóstolos no Cenáculo enquanto esperavam o Pentecostes, estava aí presente como Mãe do Senhor glorificado. Era não só aquela que «avançou na peregrinação da fé» e conservou fielmente a sua união com o Filho «até à Cruz», mas também a «serva do Senhor» deixada por seu Filho como mãe no seio da Igreja nascente: «Eis a tua mãe». Assim começou a estabelecer-se um vínculo especial entre esta Mãe e a Igreja. Com efeito, a Igreja nascente era fruto da Cruz e da Ressurreição do seu Filho. Maria, que desde o princípio se tinha entregado sem reservas à pessoa e à obra do Filho, não podia deixar de derramar sobre a Igreja, desde os inícios, esta sua doação materna. Depois da «partida» do Filho a sua maternidade permanece na Igreja, como mediação materna: intercedendo por todos os seus filhos, a Mãe coopera na obra salvífica do Filho-Redentor do mundo.”

(S. João Paulo II, A Mãe do Redentor, 40)

 

 

Maria,

Senhora do Pentecostes,

Guia-nos pelos caminhos audaciosos e belos da evangelização

E confirma-nos na missão do anúncio fiel e apaixonado de Jesus!

 

          

Ave-Maria, cheia de graça,
O Senhor é convosco.
Bendita sois vós entre as mulheres
E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus,
Rogai por nós, pecadores,
Agora e na hora da nossa morte.

Amém.

 

 

Arciprestado de V. N. Famalicão



publicado por arciprestadovnfamalicao às 17:52 | link do post | comentar

Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
17
18

19
20
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

Equipa Arciprestal de Cat...

Antiga Matriz de Famalicã...

Clero de Famalicão reunid...

Desperta Esperança!

ARTIGO DO P.E MÁRIO MARTI...

Arciprestado de Famalicão...

Desperta Esperança!

D. Jorge Ortiga visitou e...

Arquidiocese de Braga cel...

Desperta Esperança!

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

facebook
links
blogs SAPO
subscrever feeds